15.11.21

Resenha: Um Noivado Nada Discreto + O Dia de Namorados de Julie e Simon - Juliana Dantas


UM NOIVADO NADA DISCRETO

Julie e Simon estão de volta, agora com um relacionamento de verdade que é tudo e muito mais que Julie sonhava. Agora Simon é tão obcecado por ela quanto a jovem no começo da história deles, mas ainda não tão aberto quanto Julie gostaria.

Para não dar confusão na empresa, já que Simon é chefe de Julie, eles combinam de ter um noivado secreto. Contudo, alguns segredos são bem difíceis de guardar, ainda mais com a paixão explosiva que há entre os dois.


O DIA DOS NAMORADOS DE JULIE E SIMON 

Julie e Simon vão a Paris! Logo após o casamento, Simon viajou a trabalho, mas compensará tudo em uma lua de mel na cidade mais romântica do mundo.

Como sempre, Julie faz muitos planos, só que seu final de semana de contos de fadas acaba se tornando uma odisseia de desencontros e surpresas.

Esse conto de 37 páginas é um extra fofo e necessário do livro anterior! Além de trazer uma revelação essencial para o próximo livro, a história é engraçada do início ao fim. As maluquices do casal ficam ainda mais especiais com o rio Sena e a Torre Eiffel como cenário.

A SÉRIE

Julie & Simon é uma série composta de 4 livros e 3 contos de Juliana Dantas, na seguinte ordem:

- Uma Noiva de Natal - vol. 1
- Um Noivado Nada Discreto - vol. 2
- O Dia Dos Namorados de Julie e Simon - vol. 2.5
- Um Bebê Inesperado - vol. 3
- Um Bebê de Natal - vol. 3.5
- A Mãe do Ano - vol. 3.6
- Um Natal Sem Julie - vol. 4

As obras foram publicadas entre 2018 e 2020 na Amazon e estão disponíveis no Kindle Unlimited. A saga conta a história do romance acelerado e hilário do casal inglês Julie e seu chefe Simon, portanto os livros e contos não podem ser lidos de forma independente ou fora da sequência.


VALE A PENA LER?

Um Noivado Nada Discreto é igualmente gostoso como o volume que o precede. A narrativa da autora continua jovem e cativante, com diálogos acelerados e recheados de muitas provocações. Mais uma vez, também temos cenas bastante sensuais, mas que apesar de estarem em grande número, não dominam a obra.

2.11.21

Resenha: Uma Noiva de Natal - Juliana Dantas


No livro 1 da saga Julie & Simon, conhecemos Julie Harris: uma jovem assistente de Relações Públicas que, na primeira semana no emprego se apaixona pelo CEO Simon Bennett. Ele é frio e viciado em trabalho, mas lindo de morrer e Julie sabe que precisa tê-lo.

Assim, na festa de Natal da empresa ela se prepara para seduzi-lo, mas acaba tendo uma noite terrível e exagerando na bebida. Nenhuma surpresa que, no dia seguinte, ela acorda com uma ressaca terrível sem saber como foi parar na cama de Simon.

Claro que não é o conto de fadas que Julie esperava, já que além de Simon não parecer feliz com a presença dela, eles são descobertos pela família dele, que está convencida que Julie é a noiva do CEO.

Então, para tirar a família que gosta de bancar a casamenteira do seu pé, Simon propõe que Julie finja ser sua noiva só durante as festas de fim de ano. Ela acha que ele enlouqueceu e, claro, aceita rapidinho com uma condição: para ser a noiva de mentirinha, no final ela precisa ganhar a noite inesquecível que tanto deseja com o CEO.


A SÉRIE

Julie & Simon é uma série composta de 4 livros e 3 contos de Juliana Dantas, na seguinte ordem:

- Uma Noiva de Natal - vol. 1
- Um Bebê Inesperado - vol. 3
- Um Bebê de Natal - vol. 3.5
- A Mãe do Ano - vol. 3.6
- Um Natal Sem Julie - vol. 4

As obras foram publicadas entre 2018 e 2020 na Amazon e estão disponíveis no Kindle Unlimited. A saga conta a história do romance acelerado e hilário do casal inglês Julie e seu chefe Simon, portanto os livros e contos não podem ser lidos de forma independente ou fora da sequência.

22.10.21

Resenha: Esplêndida, a História de Emma - Julia Quinn


A HISTÓRIA

Emma Dunster pode ter sido mandada para a Inglaterra para ser apresentada a sociedade, mas ela não possui intenção alguma de se tornar uma dama delicada. Ou se casar.

A herdeira americana preza muito por sua liberdade e, mais do que isso, o futuro dos negócios da família. Emma foi uma menina travessa e, mesmo tendo se tornado uma jovem mais sensata, ela ainda não dispensa uma boa aventura.

Assim, pouco antes de sua estreia na temporada londrina, ela resolve se disfarçar de criada para poder andar desacompanhada e feliz pelas ruas da capital inglesa. Emma só não esperava acabar salvando um garotinho de ser atropelado por uma carruagem.

Alexander Ridgely, o duque de Ashbourne, pode não ter intenção de ser casar agora, mas não é um canalha completo. Ele ama a irmã e seu sobrinho profundamente, e se importa com seu ducado, mesmo que o título traga uma enxurrada de mulheres interesseiras para sua vida.

17.10.21

Resenha: Questão de Classe - Christina Dalcher


A HISTÓRIA

Elena, Dra. Fairchild, vive em um mundo perfeito. Em teoria.

Quando mais jovem, ela acreditou nas notas Q. Acreditou que classificar todos os cidadãos pelo seu desempenho escolar, notas, qualificações, tipo de emprego, ia ajudar a criar uma sociedade mais educada. Mais justa.

Hoje, ela sofre vendo seus alunos se mataram pra ter uma nota perfeita. Pior é assistir sua filha mais nova, Freddie, agonizar a cada prova, a cada crítica do pai. Antigamente, Freddie seria diagnosticada com Autismo. Hoje, um diagnóstico desses poderia arruinar sua nota Q e sua vida.

Só que Freddie já está se perdendo com a pressão. A ansiedade e o medo estão fazendo-a definhar. E, quando sua nota Q cai mais uma vez, ela é rebaixada para uma escola federal amarela, um internato distante para crianças sem futuro.

Algo se parte em Elena quando a filha é levada embora. Como ela pode continuar fingindo que ama o marido, que acredita no governo, que o sistema de notas Q é bom, quando sua pequena está sendo torturada em outro lugar?

Assim, Elena precisa fazer uma escolha. Ela vai continuar sendo a esposa, mãe e professora perfeita (e calada), ou vai abrir os seus olhos e lutar não só pela filha, mas por uma sociedade melhor?

VALE A PENA LER?

Eu conheci Christina Dalcher com Vox, sua outra distopia que apresenta um mundo assustadoramente similar ao de O Conto da Aia. Aqui, a autora também nos traz um vislumbre assustador do futuro, em uma distopia ainda mais realista.

6.9.21

Resenha: A Garota do Penhasco - Lucinda Riley


A HISTÓRIA

Quando o sonho da família feliz de Grania Ryan desmorona, a escultora deixa Nova Iorque para se refugiar na sua cidade natal na Irlanda. Os pais e o irmão não entendem porque Grania se recusa a falar com o ex, mas a acolhem de braços abertos.

Ou pelo menos até Grania conhecer Aurora Lisle no penhasco, uma menina curiosa que vive na mansão da propriedade vizinha. Aurora perdeu a mãe, e Grania o seu bebê, então acabam naturalmente desenvolvendo uma conexão poderosa.

A mãe de Grania fica temerosa com a aproximação das duas, os Ryan e os Lisle têm um histórico antigo e perturbador que Grania até agora desconhecia. E quando a artista aceita cuidar de Aurora por um tempo e começa a se interessar pelo pai da menina, a mãe de Grania decide que é hora dela saber a verdade.

Tudo começa com Mary, uma jovem órfã noiva de um Ryan. Trabalhadora e inteligente, Mary é uma criada na mansão dos Lisle na Irlanda. Contudo, quando a Primeira Guerra Mundial estoura, ela acaba sendo transferida para a casa da família em Londres e fica responsável por cuidar de Anna, um bebê de origem misteriosa.