18.5.18

Resenha: Só Escute - Sarah Dessen


A HISTÓRIA

Para quem olha de fora, Annabel tem tudo o que uma garota poderia desejar. Ela é popular na escola e bonita o suficiente para trabalhar como modelo. Além disso, suas irmãs mais velhas (também modelos) vivem em Nova Iorque e seus pais são amorosos e presentes. Contudo, Annabel sabe que grande parte disso é fachada. Sua mãe luta diariamente com a depressão. Suas irmãs mais velhas não se falam e, a do meio, voltou para a casa dos pais para lidar com seu distúrbio alimentar. Assim, em uma família cheia de conflitos, Annabel não quer chamar atenção para si mesma e tenta lidar com seus problemas sozinha.

E Annabel tem muitos problemas. No último verão, algo terrível aconteceu em uma festa e fez sua melhor amiga passar a odiá-la. Agora, marcada como “vagabunda”, Annabel se torna uma pária social. Mas, o pior de não ter amigos é não poder dividir com ninguém o medo e a ansiedade que a tomam nos momentos mais inesperados, a ponto de deixá-la sem ar. Contudo, tanto em casa quanto na escola, Annabel precisa fingir que está tudo bem. Até que ela se aproxima de Owen Armstrong, um dos garotos mais estranhos da sua escola. Owen ficou conhecido após socar um colega de escola e boatos dizem que ele já foi até preso. Sempre com fones de ouvido, Owen não fala com ninguém e passa os almoços sozinhos. 


Annabel achava que Owen nunca tinha notado sua existência, até que ele lhe dá uma carona para casa e ela percebe que estava completamente errada sobre o garoto. Owen explica sua obsessão por música, e como ela o ajuda diariamente a lidar com a raiva. Desde que socou o colega de escola, o garoto tem buscado o seu equilíbrio e passou a ter uma política de completa honestidade. Owen sempre fala a verdade e desafia Annabel a fazer o mesmo. 

“- É que… nem sempre digo o que estou sentindo.
- Por que não?
- Porque às vezes a verdade machuca – respondi.
- É – ele concordou. - Mas a mentira também.” pág. 106

E é aí que a garota se abre e se vê contando coisas que nunca tinha dito nem para a melhor amiga: como o fato dela odiar o trabalho de modelo e de sentir que tem que ser perfeita o tempo todo. Através de conversas honestas e discussão sobre música, Annabel e Owen se aproximam em um curto período de tempo. Mas, quando a amizade começa a virar romance, surge um impasse. Há coisas que Annabel jamais seria capaz de contar, como a noite da festa de destruiu tudo, e seu relacionamento com Owen não vai resistir a qualquer segredo. Mas, para encontrar sua felicidade, ambos precisam a aprender a fazer uma das coisas mais complicadas de sua vida: apenas escutar um ao outro.


A LEITURA, OS PERSONAGENS E AS LIÇÕES DO LIVRO

Os Bons Segredos, primeiro livro que li da Sarah Dessen, foi o suficiente para me tornar fã da autora. Agora, Só Escute apenas confirmou a minha admiração pela escritora, se tornando a minha leitura favorita dela até o momento. Com uma trama aparentemente simples, Dessen pega personagens clichês e os transforma em personalidades tão humanas e complexas cujos problemas mundanos passam lições poderosas. O maior talento da escritora é criar personagens com personalidades únicas, mas “gente como a gente”, de forma que nos identificamos com todos eles.

Leia a resenha completa e veja fotos do livro Os Bons Segredos, também da Sarah Dessen

Começo a perceber que famílias imperfeitas são uma constante nas obras da autora, algo que me alegra, já que destrói aos poucos a ideia errada que a sociedade prega das relações familiares sempre felizes e intocáveis como em comerciais de margarina. Só Escute é um hino, um tapa na cara sobre a importância da comunicação, sobre como precisamos ouvir mais uns aos outros. Através do drama adolescente de uma garota que sente que precisa guardar tudo para si e um garoto que prefere falar toda a verdade independente das consequências, a autora mostra a importância de conversarmos mais uns com os outros. Muitas vezes, as pessoas ao nosso lado estão passando por coisas terríveis e a melhor ajuda que podemos dar é simplesmente sentar ao seu lado e ouvir o que têm a dizer.


Em meio a uma trama divertida e fofa de dois colegas descobrindo o primeiro amor, Só Escute também fala das complicadas relações familiares, do poder que a ansiedade e raiva têm sobre nossa vida, além de abordar temáticas mais específicas, como depressão, distúrbios alimentares, isolamento social e assédio e abuso sexual. A trama é intrigante no aspecto de que só descobrimos o que realmente aconteceu a Annabel no final da história. A história, claro, é carregada de muito teor dramático e emocional, me fazendo chorar diversas vezes ao longo da leitura.

“- Além disso – ele continuou, deixando claro que não precisava da minha opinião -, a música é uma constante. E é por isso que temos uma ligação tão visceral com ela, sabe? Porque uma música pode te levar instantaneamente a um momento, um lugar ou até uma pessoa. Não importa o que tenha mudado em você ou no mundo, aquela música permanece a mesma, exatamente como em outro momento.” pág. 94

Contudo, Só Escute não é uma obra triste ou muito densa, apesar dos temas que aborda. Os momentos de tensão, com a protagonista lidando com sua a ansiedade e medo, além dos problemas familiares, são equilibrados com os encontros dela e Owen, momentos fofos e divertidos, regados a bastante música. Só Escute tem uma trilha sonora própria, um prato cheio para quem, como eu, gosta de descobrir canções e artistas desconhecidos. A narrativa em primeira pessoa, sobre a perspectiva de Annabel, nos ajuda a mergulhar de cabeça na história e entender melhor o que a garota está sentindo. Dessen possui uma escrita simples, mas cativante e bastante fluída. O resultado: devorei o livro em uma noite, apesar de que não consegui tirá-lo da minha cabeça pelo menos uma semana depois da leitura… Nem preciso dizer que Só Escute está mais que recomendado para todos, não é mesmo?


A EDIÇÃO

Só Escute tem uma boa edição. Apesar da diagramação simples, o texto traz uma boa fonte, com um tamanho confortável para a leitura, e páginas amareladas e de bom material. A tradução é excelente e sem erros. Eu amo a capa de Só Escute, ela é muito bonita e combina com a história. A garota andando sozinha em meio a casas nos remete a Annabel, assim como os tons de rosa e vermelho usados transmitem bem o mesmo ar da história que, apesar das temáticas complicadas e leitura emocionalmente intensa, é bonita e sensível.

QUOTES FINAIS

“Já eu ficava em algum lugar no meio do caminho entre minhas irmãs e suas personalidades fortes. Era a personificação da imensa zona cinzenta que as separava.” pág. 17

“Parecia estranho que Owen Armstrong fosse mais seguro do que as duas únicas grandes amigas que já tive. Eu estava começando a perceber que o desconhecido nem sempre era o que mais deveríamos temer. As pessoas que nos conhecem melhor podem ser mais perigosas, porque suas palavras e seus pensamentos podem não apenas ser assustadores, mas verdadeiros.” pág. 66

“Sentada ali, olhando para a minha irmã, me perguntei o que era mais difícil. O ato de contar ou para quem se conta. Ou se, depois que finalmente conseguimos falar, a história é mesmo o mais importante.” pág. 311

“Ele já tinha me dado tanto, mas agora me aproximei, pedindo uma última coisa. Uma coisa que eu sabia que ele fazia melhor do que ninguém.
- Não pense nem julgue – eu disse. - Só escute.” pág. 325

Título: Só Escute
Título original: Just Listen
Autora: Sarah Dessen
Editora: Seguinte
ISBN: 9788555340581
Ano: 2017
Páginas: 346
*Esse livro foi uma cortesia da Editora Seguinte
Compre: Amazon - Submarino

Comente com o Facebook:

0 comentários:

Postar um comentário

Sinta-se a vontade para expressar a sua opinião, para divulgar o seu site/blog ou para elogiar ou criticar o blog! Lembrando que comentários com conteúdos agressivos, ofensivos ou inadequados serão excluídos.

(Você também pode entrar em contato comigo por e-mail, formulário ou pelas redes sociais. Saiba mais na página "Contato".)