19.8.17

3 doramas fofos e divertidos para se viciar/apaixonar


Um dos maiores motivos pelo qual eu amo a internet é que ela deixa qualquer lugar do mundo a um clique de distância! E hoje eu quero convidar vocês para dar um passeiozinho lá na Ásia comigo, mais especificamente, na Coreia do Sul! Vocês já ouviram falar de dorama? Pois bem, eu já tinha escutado o termo por aí, mas só fui entender de verdade do que se tratava depois de ver um, completamente por acaso, na Netflix e me apaixonar!

Mas não tem mistério, doramas nada mais são que séries de TV orientais. A maioria delas só tem uma temporada e se aproxima mais de uma novela ou mini-série do que um seriado completo (como os norte-americanos com suas zilhões de temporadas), mas são muito mais bem produzidas que as novelas brasileiras e mexicanas, por exemplo. Dorama é o termo geral e, de acordo com o país em que é produzido, a série recebe um nomezinho: J-Drama, para os dramas do Japão, K-Drama (da Coreia), TW-Drama (drama taiwanês), C-Drama (para os shows China) e T-drama (para as da Tailândia).

Mas, não deixe o nome te enganar: doramas não são necessariamente apenas sobre dramas. Claro que sempre rola aquela sofrência básica, um casal que não pode ficar junto, um assassino que ainda não foi descoberto, alguém que morre inesperadamente, contudo, os doramas vão muito além. Existem tantas séries de comédia, quanto de romance, mistério, ficção científica e até mesmo de época (que retratam os grandes impérios orientais) - e é comum que os gêneros se misturem! Como eu disse, os doramas são bem mais produzidos que as novelas brasileiras, e, apesar da maioria ter apenas uma temporada, eles conseguem desenvolver histórias muito surpreendentes, com personagens e tramas complexas - além de muito, muito cativantes!

O Japão, o Taiwan e a Coreia são os maiores produtores de doramas e há algumas diferenças entre eles, tanto quanto a tempo de duração até o estilo das histórias. Contudo, hoje que falar melhor de 3 K-Drama que me fizeram apaixonar completamente pelo mundo dos doramas e pela cultura coreana! Todos são uma mistura de comédia e romance, com cenas hilárias e casais fofos, mas cada um também traz alguma surpresas a mais - como poderes especiais, assassinatos, mistérios! Enfim, conheça esses 3 doramas fofos e divertidos para se viciar junto comigo:


E vou começar por Oh My Ghost (ou Oh My Ghost Ghostess), que foi o 1º dorama que encontrei completamente por acaso na Netflix e que me deixou viciada logo nos primeiros episódios. Com uma só temporada de 16 episódios (com uma hora e pouco cada), Oh My Ghost traz uma história de amor divertida com pitadas de fantasia e mistério. A mini-série nos leva para a realidade de Na Bong-Sun, uma jovem assistente de cozinha, que trabalha no conceituado restaurante de Kang Sun-Woo. Ela sonha em ser uma grande chef um dia, mas o desejo parece muito longe de se realizar, já que ela não consegue se concentrar no trabalho, pois é assombrada dia e noite por fantasmas, que só ela consegue ver e ouvir.

Shin Soon-Ae é um fantasma de uma garota ousada que acredita que não partiu desse mundo ainda porque seu espírito está ressentindo por morrer virgem. Assim, Soon-Ae tem possuído mulheres e tentando seduzir alguns homens, mas a tática não deu certo até agora. Contudo, um dia ela cruza com Bong-Sun, percebe que a cozinheira é diferente dos outros e a possui. Kang Sun-Woo, o respeitado e arrogante chef de Bong-Sun logo percebe que tem algo de errado com a garota que, antes tímida e sempre cansada, parece cheia de energia e louca para seduzi-lo. Contudo, mal sabe ele que, na verdade, está lidando com um fantasma - e um dos mais determinados.


À primeira vista a história de Oh My Ghost (com um fantasma possuindo uma jovem cozinheira e tentando seduzir o chefe dela) parece meio maluca, contudo, mesmo um pouco bizarra, a trama é hilária e emocionante. Mas, além do triângulo amoroso entre o chef famoso, sua assistente e um fantasma, a mini-série aborda muitas outras questões, como a amizade dos cozinheiros do restaurante, verdade sobre a morte da Shin Soon-Ae, o aconteceu com a família que ela deixou para trás e como a Na Bong-Sun lida com sua habilidade de ver fantasmas. Ao longo dos episódios, a história de Oh My Ghost se aprofunda e nos diverte horrores, além de emocionar. Você vai chorar? Vai, mas também vai dar gargalhadas e adorar todos os personagens. Sério, vocês precisam ver esse dorama!


A próxima indicação é o meu dorama favorito até o momento: Strong Woman Do Bong Soon. E tudo por causa da protagonista: Bong Soon, que tem um segredo muito especial: como todas as mulheres da sua família, ela possui uma super força, que a torna capaz de dar uma surra em alguém e até mesmo levantar um ônibus sem nem suar. Contudo, todo o poder está atrelado a uma maldição. Se usar sua força para machucar uma pessoa que não merece ou para benefício próprio, como ganhar dinheiro, Bong Soon perderá seu poder.

Mas, a verdade é que a força de Bong Soon sempre foi um problema em sua vida. Além de se preocupar constantemente em não ferir inocentes, a garota tem grandes dificuldades para esconder seu poder e se encaixar. A garota não consegue manter um emprego e nem mesmo chamar a atenção de sua paixão de longa data, o detetive da polícia Gook Doo, que já deixou claro sua preferência por mulheres frágeis e que precisam ser salvas, coisa que Bong Soon está longe de ser. Contudo, tudo muda quando um jovem CEO de uma grande empresa de vídeo games, Ahn Min Hyuk, fica fascinado por seu poder e resolve contratá-la para ser sua segurança particular. Mas, agora, além de se preocupar em proteger Ahn Min Hyuk de um inimigo anônimo, Bong Soon se dedica a missão de descobrir o criminoso que está machucando mulheres do seu bairro.


Sim, doramas são quase sinônimos para triângulo amoroso! Sempre rola amor não correspondido, casais que não deveriam se apaixonar e duas pessoas disputando uma. Mas, o mais incrível de Strong Woman Do Bong Soon é que mesmo tendo muito romance, a série não é sobre isso. Acontece que entre vários mistérios e segredos, além de um sequestrador de mulheres, a história retrata a relação de uma jovem mulher com seu poder de fazer a diferença no mundo e ajudar os mais fracos, especialmente outras mulheres. E com um caráter tão empoderador, é impossível não se apaixonar por Strong Woman Do Bong Soon e seus personagens incríveis, assim como as muitas cenas hilárias, momentos até de luta e, claro, muitas cenas de romance! Os dezesseis episódios (também de uma hora e pouco) dessa mini-série são muito viciantes! É impossível não adorar, rir e chorar com Strong Woman Do Bong Soon!


E para finalizar a listinha de hoje, a fofa e emocionante Introverted Boss (ou My Shy Boss). Diferente dos outros doramas do post, o charme desse é que o protagonista masculino, Eun Hwan Ki não é aquele mocinho confiante pelo qual todo mundo se apaixona logo de cara. Pelo contrário, ele é extremamente tímido, odeia ambiente com muitas pessoas, não consegue falar em público e ainda carrega um segredo profundo e muita tristeza. Eun Hwan Ki é CEO de uma grande empresa de marketing, mas poucos funcionários sequer já o viram, o que apenas alimenta sua fama de excêntrico e sombrio, que surgiu alguns anos atrás, quando sua secretária cometeu suicídio. Chae Ro Woon é uma jovem atriz, cuja vida se desfez após o suicídio da irmã, a ex-secretária de Eun Hwan Ki. 

Apesar de seu semblante sempre animado e personalidade expansiva, Chae Ro Woon é assombrada pela morte da irmã, que era a filha perfeita e que levou toda a alegria e esperança da família junto consigo. Mas, cansada de lamentar a morte da irmã, Chae Ro Woon decide que precisa agir. Assim, ela arranja um emprego na empresa que a irmã trabalha com o objetivo de desmascarar Eun Hwan Ki e mostrar para o mundo que pessoa horrível ele é, a ponto de fazer sua irmã escolher morrer. Mas, Chae Ro Woon se surpreende quando acaba trabalhando diretamente com Eun Hwan Ki e descobre que, por trás das roupas pretas e poucas palavras se esconde um jovem tímido, sempre rejeitado pela família e julgado por sua introversão. Mas, o que Chae Ro Woon não sabe é que, mais do que isso, Eun Hwan Ki cuida dela secretamente desde que sua irmã morreu e que, por isso, acabou se apaixonando por ela.


Introverted Boss me conquistou logo de cara por causa da introversão do Eun Hwan Ki, com o qual eu me identifiquei horrores. Contudo, além de passar uma mensagem bacana de que ser tímido não é um problema a ser resolvido, a série me emocionou bastante ao falar de suicídio, relações familiares e amizades verdadeiras. Desse post, Introverted Boss é a que mais me fez chorar ao longo de seus dezesseis episódios, mas valeu muito a pena! A mini-série também tem muitos momentos divertidos, especialmente graças a maluquice fofa da Chae Ro Woon, e, claro, muito, muito romance. Uma mistura bem equilibrada de drama e história de amor, Introverted Boss é um dorama muito cativante e delicioso de assistir!


Bom amores, e esse foi o post enorme - mas feito com muito carinho -, sobre 3 doramas fofos, divertidos e incríveis para se viciar/apaixonar! Espero que tenham gostado das indicações e que se emocionem e cativem tanto quanto eu a essas histórias maravilhosas de comédia, romance, mistério e drama! Agora me contem, vocês já conheciam o mundo dos doramas? Já viram algum bem legal que gostariam de recomendar para todo o mundo? Comentam aí embaixo!

Comente com o Facebook:

1 comentários:

  1. Amiga que postagem interessante. Eu não sabia o que eram os 'Doramas' até ler seu texto. Fiquei curiosa para conferir essas séries orientais principalmente por terem só uma temporada. Vou me organizar e te aviso quando conferir a primeira ok!!??
    Beijos e saudades de vc!!!

    Leituras, vida e paixões!!!

    ResponderExcluir

Sinta-se a vontade para expressar a sua opinião, para divulgar o seu site/blog ou para elogiar ou criticar o blog! Lembrando que comentários com conteúdos agressivos, ofensivos ou inadequados serão excluídos.

(Você também pode entrar em contato comigo por e-mail, formulário ou pelas redes sociais. Saiba mais na página "Contato".)