12.1.17

Resenha: O Mais Desejado dos Highlanders - Maya Banks


A HISTÓRIA

Os clãs Montgomery e Armstrong foram inimigos por décadas. Contudo, o casamento arranjado, que foi o início de um grande amor, entre Graeme, líder dos Montgomery e Eveline, filha única do chefe dos Armstrong, uniu as duas famílias e trouxe paz para as terras altas da Escócia. Contudo, após Eveline ser sequestrada por Ian, filho do líder do clã McHugh, os Montgomery juraram derrotar todos os McHugh. E, enquanto seu irmão Graeme cuida de sua esposa, que foi resgatada pelo marido e seus irmãos após matarem Ian, Bowen Montgomery assumiu a missão de lutar e derrotar o pai de Ian e o restante do clã McHugh.

Entretanto, ao chegar ao território do clã inimigo, Bowen percebe que não há com quem lutar: o líder e todos os guerreiros McHugh fugiram, deixando no lugar apenas os doentes, fracos é indefesos. Um guerreiro feroz, mas sempre justo, Bowen jamais levantaria sua espada contra tais pessoas, mas, sem saber disso, Genevieve é a primeira a pedir clemência pelos McHugh, mesmo que eles nunca tenham merecido qualquer ajuda sua.

Filha única do líder do importante e rico clã McInnis, Genevieve foi criada em meio ao luxo e ao amor. Além de educada e alegre, a garota também era admirada uma beleza estonteante, que anos antes conquistou o coração do jovem, mas já cruel Ian McHugh. E, após saber que Genevieve, que sempre o recusou com veemência, ia se casar com outro, Ian sequestrou a garota, marcou o seu belo rosto com uma cicatriz horrenda e abusou e maltratou-a por um ano inteiro. Mas, agora que aquele monstro está morto, Genevieve vê sua chance de ser livre novamente e viver em paz em algum convento, já que a família acha que ela está morta e jamais a aceitaria de volta.


Bowen fica imediatamente fascinado por Genevieve, que, apesar da cicatriz que a faz esconder seu rosto, continua sendo extremamente bela. Contudo, logo o guerreiro logo percebe que ela é uma mulher sombria e cheia de segredos - e, claro, não tão indefesa quanto ele imaginou. As amargas experiências de Genevieve a ensinaram a ser cautelosa e a não confiar nos homens, especialmente um que a atrai tanto quanto Bowen. Contudo, quando ele promete a proteger e garantir que ela possa finalmente deixar seu cativeiro, a mulher não tem outra opção a não ser acreditar nele.

Mas, conforme se conhecem melhor, Bowen e Genevieve acabam desenvolvendo muito mais que desejo um pelo outro, mas também admiração, respeito e um carinho profundo. Entretanto, será que Genevieve conseguirá permitir que Bowen conheça-a por inteiro, confiando a ele seu coração e todos os seus segredos? E será que Bowen continuará a adorá-la mesmo depois de conhecer o lado mais profundo e sombrio de Genevieve?


A SÉRIE

A série Montgomery e Armstrong traz as histórias de amor dos membros das famílias Montgomery e Armstrong, os dois clãs mais poderosos da Escócia medieval. Cada livro é independente, com protagonistas diferentes, mas trazem o mesmo pano de fundo, cenários parecidos e personagens em comum. 

O primeiro livro, Seduzida Por Um Guerreiro Escocês, traz a história de Eveline Armstrong e Graeme Montgomery, cujo casamento acaba unindo as duas famílias antes inimigas. Esse segundo livro, O Mais Desejado dos Highlanders, conta a história do irmão de Graeme, Bowen, que se apaixona por Genevieve McInnis. O terceiro livro, Highlander para Sempre, ainda não publicado, trará a história de um dos irmãos de  Eveline, Brodie, que se apaixona por Taliesan McHugh, uma amiga de Genevieve.

- Leia a resenha e conheça melhor o emocionante e apaixonante Seduzida Por Um Guerreiro Escocês


A LEITURA E OS PERSONAGENS

Eu comecei O Mais Desejado dos Highlanders com bastante animação e expectativa, afinal, adorei o volume anterior, Seduzida Por Um Guerreiro Escocês. E, nesse segundo livro da saga, não fui decepcionada, apesar de que o primeiro ainda é o meu queridinho. Desde as primeiras páginas somos envolvidos pelos mistérios de Genevieve e a personalidade cativante de Bowen. A narrativa da Maya Banks continua excelente, leve e fluída – tanto que devorei a obra em algumas horas apenas.

A trama de O Mais Desejado dos Highlanders traz alguns clichês e, na minha opinião, exageros, mas não deixa de ser extremamente gostosa de ler e divertida. Algo pelo qual tenho que elogiar a autora é o tom usado para abordar as experiências de abuso da Genevieve. Banks não as banalizou em qualquer momento, pelo contrário, consegui expressar como passar por tal situação marca e machuca profundamente a alma e a mente de uma pessoa. E, ainda nesse ponto, a autora foi bem sensível e inteligente em desviar de uma visão machista da maioria dos romances, onde o homem é a resposta para todos os problemas da mulher, ao mostrar que não foi o Bowen quem fez Genevieve superar seu passado doloroso, e sim a própria mulher esforçou-se para descobrir como seguir em frente e conseguiu aceitar e trabalhar as suas cicatrizes emocionais.

E falando do Bowen, como mocinho, ele foi simplesmente perfeito. Apesar de ser um guerreiro e um líder determinando, Bowen não é nem um pouco arrogante ou sufocante, ele não banca o macho-alfa ou super-herói em nenhum momento. Ele tenta ajudar quando pode, mas sem sufocar Genevieve ou querer que ela faça as coisas como ele quer. Assim, Bowen se tornou um protagonista super fofo e apaixonante (até mesmo mais que o irmão mais velho, Graeme). Genevieve também esbanja força e simpatia. Ela é mulher inteligente e, apesar das marcas que carrega, é também gentil e justa. Outra personagem feminina que amei foi a Taliesan McHugh. Apesar de ter certa dificuldade para andar, a moça é mais corajosa que a maioria dos homens de seu clã, não aceita ordens e desaforo de ninguém, e também se mostrou uma amiga fiel, que sempre ajudou Genevieve. Estou bastante ansiosa para o próximo livro, pois nesse volume já percebemos algumas faíscas entre Taliesan e Brodie. 

A EDIÇÃO

Quanto a edição, a de O Mais Desejado dos Highlanders está boa. A tradução e o texto estavam claros e sem erros. Contudo, as páginas poderiam ser de um material mais grosso, as achei muito fininhas e frágeis. Quanto a capa, eu a adoro – mesmo que ela não combine em absolutamente nada com a história ou mesmo com tempo em que ela se passa (afinal, a trama situa-se na Idade Média e o vestido é da Era Vitoriana). Mas, para mim, a capa é bonita e combina bem com a do volume anterior da série.


CONCLUSÕES FINAIS

O Mais Desejado dos Highlanders foi um segundo volume perfeito e estimulante para a série Montgomery e Armstrong. Tão viciante quanto o primeiro, esse livro mistura bem romance, ação e aventura. Ao mesmo tempo em que nos entrega uma história de amor fofa e divertida, a autora ainda consegue falar um pouco sobre abuso físico e emocional sem ser clichê ou machista. Apesar da temática sensível, O Mais Desejado dos Highlanders é muito leve, rápido e gostoso de ler, e por isso sei que vai agradar bastante os fãs, como eu, de romance de época. Está mais que recomendado e, agora nos resta só aguardar ansiosamente por mais livros da série!

QUOTES FAVORITOS

Ela devia estar com medo, mas há bastante tempo já aceitara seu destino. Sua possível mortalidade. Não sentia medo como antes. Havia coisas piores do que a morte, como ela já tinha descoberto. Às vezes, viver exigia muito mais coragem. Encarar outro dia. Enfrentar. Essas coisas requeriam força. Muito mais do que morrer.” Pág. 8

Ele deveria ir embora e não a deixar que percebesse que ele estava ali. Mas não conseguia. Não fazia sentido algum para ele, que estava fascinado por essa mulher em particular. Ela o intrigava. Era um mistério que ele estava determinado a resolver.” Pág. 51

Título: O Mais Desejado dos Highlanders
Título original: Highlander Most Wanted
Série: Montgomery e Armstrong
Volume: 2
Autora: Maya Banks
Editora: Universo dos Livros
ISBN: 9788550300597
Ano: 2016
Páginas: 400
Compre: Amazon - Submarino - Americanas

Comente com o Facebook:

7 comentários:

  1. Gostei muito do enredo desse livro, essa história parece ser muito interessante mesmo. Eu adoraria conhecer melhor essa obra.
    Mil beijos!
    http://pensamentosdeumageminiana.blogspot.com/2017/01/resenha-do-livro-falando-o-mais-rapido.html

    ResponderExcluir
  2. Oi, Ana!! Tudo bem?

    Adorei sua resenha!!! Estou morrendo de vontade de começar essa série agora. Espero ganhar os livros esse ano. Hahahahaha
    Tenho certeza que vou gostar tanto quanto você. :)

    Bjs!!

    http://livrosontemhojeesempre.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  3. Adorei a resenha. Fiquei aínda mais animada para ler

    ResponderExcluir
  4. Amor demais romances históricos, já vi algumas resenhas desses livros e só aumentou ainda mais minha ansiedade para lê-los. estou só esperando eles chegarem!

    sonhoseaventurasdeamor.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  5. Eu adoraria conhecer o livro, caso nao ganhe irei comprar.

    ResponderExcluir
  6. alguma novidade sobre o terceiro livro da serie ?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Até onde sei, ele não foi publicado nem nos Eua ainda ;(

      Excluir

Sinta-se a vontade para expressar a sua opinião, para divulgar o seu site/blog ou para elogiar ou criticar o blog! Lembrando que comentários com conteúdos agressivos, ofensivos ou inadequados serão excluídos.

(Você também pode entrar em contato comigo por e-mail, formulário ou pelas redes sociais. Saiba mais na página "Contato".)