20.3.16

7 coisas que eu gostaria de ter descoberto antes de começar um blog literário


Criar e manter um blog é definitivamente uma aventura. O Mademoiselle foi e ainda é um dos maiores desafios da minha vida, mas também um dos maiores prazeres. Eu aprendi inúmeras coisas ao longo desses mais de quatro anos de blog e não só sobre livros ou sobre ser blogueira, mas sobre a vida em geral. Para ser sincera, eu não me arrependo de nada, afinal todo e qualquer erro que já cometi apenas me serviu de aprendizado. 

Há muitos momentos, claro, em que relembro algumas coisas e, hoje, percebo que poderia ter feito ou agido de maneira completamente diferente. Mas isso são coisas que só a experiência ensina mesmo e aceitar o erro e crescer a partir dele é um grande sinal de maturidade. Contudo, acabei pensando no que diria para mim mesma se eu pudesse voltar no tempo para o exato momento em que decidi criar o blog. E, assim surgiu esse post, sobre as 7 coisas que eu gostaria de ter descoberto antes de começar o Mademoiselle. São apenas pequenos conselhos, mas que, no fundo, fazem toda a diferença. Vamos as 7 coisas então?

1 - Não ligue para quem não gostar de você
Como bem disse a Taylor Swift: haters gonna hate. Simples assim. Acho que todo mundo que tem ou já teve um blog acaba descobrindo que há muito ódio gratuito na internet e que, volta e meia, o alvo pode ser você. Sim, vai ter gente que vai te xingar sem motivo aparente, colocar mil defeitos no seu trabalho e te fazer sentir um lixo. E a única coisa que você pode fazer sobre isso é não se importar. 

Eu tive, ainda bem, uma pequena cota de pessoas assim na minha vida e no meu blog, mas os poucos que dedicaram seu tempo para me por para baixo acabaram conseguindo me fazer sentir mal. Hoje percebo que não havia motivo para tal e que se passar por uma experiência semelhante, não vou perder meio segundo de vida dando atenção para gente assim. Encontrar pessoas para não gostar de você é a coisa mais fácil do mundo, portanto concentre-se apenas nos leitores que curtem você e o seu conteúdo. Acredite, dar atenção - merecida - para quem gosta de você, mesmo que seja um ou dois leitores, já fará ter um blog, e aguentar os chatos que te odeiam, valer a pena.


2 - Não é o nome do seu blog que vai definir o seu sucesso
Essa lição é bem mais recente. Nos últimos meses, como vocês têm reparado, estou buscando dar novos rumos para o blog. Mudei o layout e um pouco do conteúdo e acabei pensando em mudar o nome também. Eu amo "Mademoiselle Loves Books", mas não é um nome fácil de escrever e muito menos de lembrar e fiquei com medo que a falta de um nome mais simples e memorável fosse prejudicar o sucesso que eu desejo para o blog.

E foi aí que percebi: o nome não ia mudar nada e sim a minha atitude. Há vários e vários blogs com nomes em outra língua ou mais complicadinhos que fazem tanto sucesso quanto os com nomes mais óbvios do mundo. O nome tem que refletir a identidade do seu blog e, para mim, Mademoiselle Loves Books cumpre perfeitamente esse papel. E com os bons resultados que estou conseguindo nos últimos meses, cheguei a conclusão que é o meu esforço que vai tornar os meus objetivos para o blog realidade, não o nome ou layout, por exemplo. 

3 - Sem máscaras - ser você mesmo é mais atrativo
Não sei se todos vocês se lembram, mas quando comecei o blog, eu assinava os posts como "La Mademoiselle". Contudo, com o tempo, percebi que me esconder atrás de um pseudônimo não era legal, nem para os leitores nem para mim mesma. Acredite, colocar a sua personalidade no blog, a sua opinião e jeito se ser em cada um dos posts tornará tudo mais atrativo. 

As pessoas gostam de conhecer outras pessoas, ser humanos reais por trás de palavras em uma página na internet, e quando percebem que há um pouquinho de você em cada coisinha do seu blog, elas passam a gostar ainda mais de acompanhar o seu trabalho. Lembre-se sempre, como disse lá no primeiro item, nem todo mundo vai gostar de você, mas não vale a pena fingir ser outra pessoa para agradar ninguém. Ser quem você é bem mais prazeroso e renderá conteúdos muito mais honestos e atrativos.

4 - A opinião dos seus leitores é tão importante quanto a de seus amigos
No começo você não receberá muitos comentários e opiniões nos seus posts, mas quando as pessoas começam a notar e a visitar o seu blog, elas sempre terão alguma coisa a dizer. Preste muita atenção nos comentários (ler e responder todos é muito importante) que você recebe, eles são uma mina de ouro. 

Além de saber se você está agradando ou não o seu público (lembrando que estou desconsiderando completamente a opinião de haters e similares), você receberá dicas incríveis e conhecerá um pouco das pessoas que acessam o seu blog. Sabe quando seu amigo te dá um conselho ou expressa uma opinião e você leva a sério porque gosta e respeita ele? A mesma coisa serve para seus leitores! Respeite-os sempre e escute o que eles dizem. Pedir a opinião deles também é legal, a maioria dos leitores sempre está disposta a ajudar e adorará saber que você valoriza a opinião deles. Abrir um canal de comunicação entre você e seus leitores é muito bacana e além de trocar experiências e dicas, vocês podem acabar virando amigos! 


5 - Ter um blog é aprender constantemente
Uma dica para a vida: você nunca saberá tudo. Não adianta, você pode ser a pessoa mais inteligente da galáxia e sempre conseguirá encontrar algo que foge dos seus conhecimentos e habilidades. Nesse ponto, um blog funciona como a vida: você sempre estará aprendendo algo novo. E esse é, na minha opinião, um dos melhores aspectos em ter um blog. A cada post que faço, a cada comentários de vocês, toda vez que posto algo e vejo que vocês curtiram ou não, acabo aprendendo alguma coisa.

Então não fique com medo quando perceber que não sabe alguma coisa ou que outra pessoa sabe mais que você, busque aprender a coisa em questão, seja pesquisando na internet, lendo um livro ou abordando outra pessoa sobre o assunto. Seja humilde e curioso, preste atenção as lições que a vida de blogueiro te ensina e continue sempre aprendendo e amadurecendo. Um livro que indico para quem quer aprender mais sobre o internet, sites e blogs é Negócios Digitais de Alan Pakes (organizador da obra).

6 - Bons resultados demandam tempo e muito esforço
Acho que essa a primeira coisa que todo blogueiro aprende. Logo que começamos um blog percebemos o quanto precisamos de dedicação e tempo para fazer nosso projeto crescer. São horas e horas para fazer um bom post, para ler e responder comentários, para deixar o layout perfeito... E o trabalho nunca termina. Todo dia estamos em busca de conteúdo novo, de um modo diferente de chegar aos leitores e fazemos tudo isso com muito prazer. Demora e é cansativo, mas vale muito a pena quando alcançamos nossos objetivos. A paciência é essencial, assim como a dedicação.

7 - Nunca faça por obrigação, e sim por amor
Se você quer criar ou criou um blog para ficar rico ou famoso, ou para ganhar coisas de graça, pare agora mesmo. Você dificilmente vai ganhar um centavo com blog, ainda mais literário, e o reconhecimento dos leitores demora bastante para ser conquistado. Meu ponto é: se não é por amor, você não deve manter um blog. Ou se você já tem um, mas sente que fazer posts não te dá mais prazer, dê um tempo com o blog e volte a postar depois. 

É muito trabalho para manter um blog e só valerá a pena se cada palavra escrita vier de um amor imenso pelo que se faz! Não se force a nada, mas se ter um blog te dar prazer, acredite no seu sonho e invista nele, como já disse, os resultados demoram, mas valem muito a pena! Há muito mais coisas que eu gostaria de ter descoberto antes de criar o Mademoiselle, mas fico feliz em poder ter tido erros e acertos e hoje ser a pessoa que eu sou, além de muito orgulhosa pelo cantinho que criei!


E é isso pessoal! Espero que tenham gostado do post! Para quem está começando um blog agora, as sete coisas que listei podem ser boas dicas e me contem se elas serviram de alguma coisa para vocês! E dos blogueiros de longa data já, eu quero saber: concordam comigo ou não? E digam aí nos comentários o que vocês queriam ter descoberto antes de começar um blog ou se que já tiveram ou pretendem ter um algum dia!

Comente com o Facebook:

24 comentários:

  1. Oi Ana!
    Que post mais lindo!! Eu acho que a última dica é a mais importante... Já pensei em tentar monetizar o blog, mas aí concluí que só ia ter dor de cabeça. Sabe aquela história que quando o hobby vira trabalho, ele deixa de ser divertido? Pois é, eu penso que tenho meu trabalho, que é ótimo porque me dá salário, férias e 13º, e tenho meu blog, que é meu lugar de relaxamento e diversão. Além disso é muito gostoso visitar outros blogs e conhecer a opinião de outras pessoas. Pra mim é um modo de me distrair.

    Beijos,
    Sora - Meu Jardim de Livros

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Sora, fico muito, muito feliz que você tenha gostado! Entendo bem, estou tentando monetizar o blog, mas com calma e sem frustração se acabar ganhando nada ou quase nada com isso. Faço também por amor e quando virar obrigação já não vou mais fazer! E sim, blog relaxa mesmo a gente e mesmo bem legal visitar os amigos e conhecer um pouco sobre eles e suas opiniões!

      Excluir
  2. Ameeeeei o post amiga e concordo plenamente com as 7 coisas citadas aqui.
    Mil Beijos!
    http://pensamentosdeumageminiana.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Gabi, fico feliz que tenha gostado e que concorde comigo! rs

      Excluir
  3. Oi, Ana!
    Concordo com tudo que você enumerou. Com certeza, tenho alguns haters pela blogosfera, mas vou dar uma de Taylor e shake it off hahhahaha
    O blog, pra mim, é uma diversão e um lugar para desestressar. Não quero que se torne uma obrigação.
    Beijos
    Balaio de Babados
    Participe do sorteio Mês das Mulheres em Dobro
    Porcelana - Financiamento Coletivo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, fico feliz que concorde comigo! kkkkk Esse é o espírito! Deixe os haters e os chatos para lá, e valorize leitores que, como eu, adoram o que você faz!

      Excluir
  4. Achei as 7 coisas fundamentais para um blog ♥
    http://blogmichaelvasconcelos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Oii Aninha

    Dicas valiosas e de quem sabe o que fala! Oh meu Deus, será que vou conseguir acumular toda essa experiência boa que vc conseguiu? Espero que sim!
    Que bom que vc não mudou o titulo do blog, acho Mademoiselle loves books um nome super original, sempre curti desde que conheci seu trabalho, combina com seu jeito de escrever e até o visual clean do blog.
    E com certeza, quando vira obrigação e deixa de prazer, é hora de repensar ou dar um tempo...

    Beijokas

    naprateleiradealice.blogspot.com.ar

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Alice e pode ter certeza que você já tem alguma experiência e vai acumular sempre mais, tanto quanto a blogs como a vida! rs E obrigada de novo, fico muito feliz que goste do nome! Eu também acho que ele é cara do meu cantinho! ;)

      Excluir
  6. as dicas são válidas tanto para quem ainda pensa em ter um blog como para quem ja tem e precisa ser lembrado dos princípios e das lutas que blogar envolve, acima de tudo deve ser feito por amor!

    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, o amor é essencial na hora de ter um blog!

      Excluir
  7. Oie!
    Quando vim retribuir seu comentário ao meu cantinho, me deparei com esse post e rapidamente tive que lê-lo. Eu tô indo para três anos de blog e muitos aprendizados. Nunca sofri de ódio gratuito, mas é bem difícil e muito dos seus 7 tópicos diria a mim mesma três anos atrás.
    Parabéns pela iniciativa!
    Beijocas!
    Ana.
    http://www.umlivroenadamais.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Ana, e que venham muito mais anos de blog para nós duas!

      Excluir
  8. Ana querida Feliz dia do blogueiro!!! Vc merece porque faz um trabalho lindo, cheio de personalidade, carinho e atenção. E como vc mesma disse quando paramos de dar atenção a quem não merece nossa vida passa a ter outro brilho. Esse foi um dos motivos que me fizeram te valorizar ainda mais, além de me inspirar com textos, imagens e postagens maravilhosos, você assim como eu, sabe retribuir a atenção que recebe e isso ainda é raro nas blogueiras.
    Percebi que poucas fizeram uma postagem especial sobre o dia do blogueiro, será que nem elas mesmas não se valorizam!!?? Quantas será que postam por e com amor!!??? Apesar de hoje em dia eu já consegui reconhecer como cada blogueira é com seu próprio blog, com seus leitores e como se comporta nas redes sociais confesso que muitas ainda tem muito que melhorar. Mas como vc mesma destacou, não me preocupo muito sobre isso no dia a dia, só em momentos como esse que paro para refletir. Faço minha parte com amor e tento dar atenção e retribuir tudo que recebo.
    Sua postagem está cheia de dicas essenciais, não só para quem está iniciando na blogsfera quanto para quem já está nela a tempos e acaba se acomodando.
    Concordo plenamente com você e com certeza as conquistas demoram mas quando chegam nos fazem sentir maravilhosamente bem.
    Beijos e que nossa amizade se fortaleça com o tempo.

    Leituras, vida e paixões!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito, muito obrigada Aline, feliz dia do blogueiro (atrasado rs) para você também! Fico muito feliz que goste do meu trabalho, você sabe que também adoro o seu! <3 Sim, muitos blogueiros ainda vivem no seu próprio mundinho, o que é uma pena, porque, para mim, umas das melhores coisas em ter um blog é justamente conhecer outros blogueiros! Mas, como você bem disse, temos que fazer a nossa parte, e com muito amor, e retribuir sempre o carinho, dos leitores e de outros blogueiros também!

      Excluir
  9. eu tenho dificuldade com o nome do blog, muita gente pergunta o porquê dele, porque não é algo mais literário a pah... mas eu prefiro ele assim rsrssr acham difícil pronunciar, mas é minha cara e ponto final kkkkkkkkkkkk
    eu respondo sempre que posso aos comentários, mas nem sempre tenho tempo de visitar todos no mesmo dia que recebi o comentário, ou de responder pelo meu próprio post... :(
    Mas leio todos, sempre. E procuro retribuir da melhor maneira que posso...

    Eu curto o nome do teu, acho bem autêntico. E é sempre um prazer vir aqui, apesar de termos alguns gostos diferentes, o que mais importa é a qualidade dos teus textos, algo que sempre prezo quando visito um blog ^^

    bjs, Ana <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não escuta esse povo Val, eu acho "Torpor Niilista" um excelente nome e a sua cara mesmo! Eu também não consigo visitar os amigos todos os dias, mas de vez enquanto tiro um tempinho e faço o possível para deixar muito amor por aí rs E obrigada, fico feliz que goste do nome e do conteúdo do Mademoiselle! <3

      Excluir
  10. Oi, tudo bem? Adorei este tipo de postagem, diferente... Acho que os mais importantes são "ser você mesmo" e "não fazer por obrigação, e sim por amor". Nunca devemos tentar ser outra pessoa, nossos leitores devem gostar do que somos, não do que tentamos ser.

    Beijos,
    Duas Livreiras

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ;D Fico feliz que goste de postagens assim, estou querendo trazer mais desse estilo para o blog! E com certeza, temos que ser nós mesmos sempre. Seja no blog, ou na vida como um todo...

      Excluir
  11. Oi, Ana!
    Você levantou 7 pontos muito importantes. Post para ser lido e relido! ;)

    Beijos, Entre Aspas

    ResponderExcluir
  12. Olá, Ana.
    7 pontos importantíssimos e que eu realmente gostaria de ter conhecido antes de ter criado o blog.
    Gente que não gosta de você e que quer atrapalhar o seu trabalho aparecem aos montes (prova é o que aconteceu com o meu blog). Outro ponto importantíssimo é conhecer bem o seu público e a opinião dele. É isso que definirá o seu sucesso, não o nome.
    Ótima postagem.

    Desbravador de Mundos - Participe do top comentarista de reinauguração. Serão quatro vencedores!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada! Pois é, uma tragédia o que aconteceu com você e prova concreta de quem sempre tem gente que vai tentar te atrapalhar. Verdade, conhecer seus leitores é essencial!

      Excluir

Sinta-se a vontade para expressar a sua opinião, para divulgar o seu site/blog ou para elogiar ou criticar o blog! Lembrando que comentários com conteúdos agressivos, ofensivos ou inadequados serão excluídos.

(Você também pode entrar em contato comigo por e-mail, formulário ou pelas redes sociais. Saiba mais na página "Contato".)