15.9.15

Resenha: Segredos de Uma Noite de Verão - Lisa Kleypas


Annabelle Peyton já não quer mais casar por amor. Os últimos anos têm sido difíceis para sua família, que passa por extremas dificuldades financeiras. Claro que tudo se resolveria se ela desposasse de um nobre rico, mas sem um dote, suas possibilidades de se casar diminuem drasticamente a cada temporada, mesmo ela sendo uma jovem bonita e gentil. 
"Precisamos fazer um pacto para ajudar umas às outras a encontrar um marido. Se os homens não vierem atrás de nós, iremos atrás deles. O processo se mostrará muito mais eficaz se juntarmos forças, em vez de avançar individualmente." 

Em mais um baile tedioso, Anabelle fica sentada enquanto as outras garotas são tiradas para dançar e cortejadas, por isso acaba se aproximando de outras jovens rejeitadas: duas irmãs americanas muito ricas, Lillian e Daisy, mas sem trejeitos sociais, e a inglesa, tímida e gaga Evie. Assim, as garotas se tornam amigas e resolvem ajudar umas as outras a encontrar bons maridos.


A primeira escolhida é Annabelle e as quatro começam a bolar planos para encontrar um nobre para ela. E Lorde Kendall se mostra um pretendente perfeito e conquistá-lo não será tão difícil, mesmo que para isso Annabelle tenha que fingir ser mais dócil do que realmente é. Entretanto, há alguns empecilhos entre Kendall e a garota. Além das outras jovens loucas para enlaçar Kendall, ainda há os outros Lordes que, diante a vulnerável situação financeira de Annabelle, não se cansam de fazer propostas indecentes a jovem.


Mas, o maior e mais sedutor empecilho para Annabelle é Simon Hunt, um filho de açougueiro que surpreendeu a todos e fez uma imensa fortuna em poucos anos. As origens humildes de Hunt não o fazem ser aceito pela aristocracia inglesa, mas seu dinheiro o faz ser tolerado. Muito inteligente e sempre convincente, Hunt consegue tudo o que quer e quem quer. E Annabelle, há anos, é alvo de seu desejo. Entretanto, será que ele estará disposto a realmente tudo para tê-la? Inclusive se casar? E será que Annabelle irá aceitá-lo?


Segredos de Uma Noite de Verão é o primeiro livro da série As Quatro Estações do Amor, cujos volumes podem ser lidos de forma independente. Depois de ter me apaixonado pelos Os Hathaways, família protagonista de outra série da Lisa Kleypas (resenhas aqui), fiquei muito ansiosa por essa nova série e já vi que ela não irá me decepcionar. A autora está quase conquistando o lugar de minha escritora de romances de época favorita, já que suas obras do gênero sempre trazem elementos inusitados e fogem da fórmula clássica do estilo, apesar de manter suas características principais.

Leia a resenha dos outros livros da série As Quatro Estações do Amor:
- Era Uma Vez no Outono - Vol. 2
Pecados no Inverno - Vol. 3
- Escândalos na Primavera - Vol. 4


O que mais me agradou em Segredos de Uma Noite de Verão é a grande dose de realidade que Kleypas conferiu a obra, ao trazer uma protagonista desesperada para casar por motivos puramente financeiros. Apesar de ainda ser um romance de época muito divertido e romântico, mas também bem sensual, Segredos de Uma Noite de Verão não tem um ar de conto de fadas. Kleypas mostrou e criticou com maestria, sem deixar o livro chato, como a sociedade daquela época vivia de aparências e preconceitos e como os casamentos eram mais nada que contratos de interesse. 


Os protagonistas também fogem do comum. Annabelle deixa de ser a típica mocinha inocente ao se mostrar preocupada com a situação financeira da família e disposta a deixar felicidade e amor de lado, apenas para garantir um futuro para quem ama. Hunt também é incomum, sem uma gota de sangue azul, ele se fez um homem rico e inteligente e definitivamente não faz o tipo “príncipe do cavalo branco”, já que faz de quase tudo para ter Annabelle como sua amante. O casal, que tem uma química perfeita e momentos simplesmente hilários, mas também sensuais e fofos, me recordou bastante de Poppy Hathaway e Harry Rutledge, do livro Tentação ao Pôr do Sol (resenha aqui), de quem provavelmente seriam grandes amigos. 


Com uma narrativa fluída e trama divertida e surpreendente, a leitura de Segredos de Uma Noite de Verão é rápida e deliciosa. Fiquei mega ansiosa pelos próximos volumes da série As Quatro Estações do Amor, especialmente pelo livro da Lillian, a garota de mais personalidade do grupo e minha favorita até agora.

Com um pouco de crítica e realidade, Segredos de Uma Noite de Verão é um excelente romance de época, mas que foge um pouco do comum. A edição também estava excelente. E estou apaixonada por essa capa, que combina perfeitamente com a obra e é uma das mais bonitas da minha estante.

Título: Segredos de Uma Noite de Verão
Título original: Secrets of a Summer Night
Série: 
As Quatro Estações do Amor
Volume: 1
Autora: Lisa Kleypas
Editora: Arqueiro
ISBN: 9788580414271
Ano: 2015
Páginas: 288

Comente com o Facebook:

6 comentários:

  1. Oi Ana!
    Romances de época não são meus favoritos, mas achei bem interessante termos uma mocinha atípica nesse livro.
    Achei bem interessante o desenrolar da história e fiquei com vontade de ler sim!
    Beijinhos
    Rizia - Livroterapias

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sério? Já eu não resisto a um livro do gênero! Leia Segredos de Uma Noite de Verão, acho que vai mudar sua opinião sobre os romances de época!

      Excluir
  2. Também adorei esse livro!!!! Além da capa linda o que gostei é que em certa parte a autora meio que podia ter "parado" a história e no entanto ela continua prendendo o leitor.
    Bjs
    http://eternamente-princesa.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bom saber que não fui a única que gostou! Também tive essa sensação! Mas foi bom ela ter continuado, acho que nem se o livro tivesse 500 páginas a gente enjoaria dos protagonistas!

      Excluir
  3. Romance histórico não é muito a minha praia. Sou meio revoltada com a sociedade dessa época hahahah
    A capa é linda, sem sobra de dúvidas.
    Gostei muito da sua resenha. Um dia, quem sabe, eu mudo de ideia e leio o livro. Porém, achei bem legal a autora retratar o casamento como era realmente naquela época: sempre motivado pelo dinheiro.
    Beijos
    Balaio de Babados

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah, sim, a sociedade dessa época era bem ruim para as mulheres, especialmente as pobres. Mas eu gosto do gênero, não é do tipo que muda a sua vida, mas são leituras gostosas, para descansar. Acho que você iria gostar desse livro, ele não é tão clichê quanto a maioria.

      Excluir

Sinta-se a vontade para expressar a sua opinião, para divulgar o seu site/blog ou para elogiar ou criticar o blog! Lembrando que comentários com conteúdos agressivos, ofensivos ou inadequados serão excluídos.

(Você também pode entrar em contato comigo por e-mail, formulário ou pelas redes sociais. Saiba mais na página "Contato".)