26.3.15

Resenha: Cidade dos Anjos Caídos - Cassandra Clare

ATENÇÃO: ESSA RESENHA CONTÉM SPOILERS DO VOLUME ANTERIOR

Valentim e seu exército de demônios foram derrotados, tudo graças ao símbolo “inventado” por Clary, que ajudou Caçadores de Sombras e membros do Submundo a lutar lado a lado. A união de forças deu tão certo que, agora, novos Acordos estão sendo escritos e membros do Submundo ganharam voz na Clave. Entretanto, ainda há muitos Caçadores relutantes com a mudança, sentimento que é agravado quando Nephilims começam a aparecer mortos na cidade de Nova York.

Enquanto isso, Clary, que abandonou a escola para se dedicar ao treinamento de Caçadora de Sombras, deveria estar completamente a feliz, afinal, há uma relativa paz no ar e sua mãe e Luke estão prestes a se casar. Entretanto, seu relacionamento com Jace passa por dificuldades, o garoto anda estranho e cada vez mais distante. Simon também não está tão tranquilo quanto gostaria. Ele está namorando Isabelle e Maia ao mesmo tempo, o que por si só já é promessa de muita confusão, mas seus maiores problemas não são com Nephilims ou lobisomens, e sim com vampiros. Desde que Clary deu a ele a marca de Caim, Simon não pode ser morto, e o único vampiro Diurno é alvo que curiosidade e ódio. Ele está tentando levar uma vida normal, apesar de não ser mais humano, mas há muitos de sua raça bem insatisfeitos por Simon ainda não ter se aliado a nenhum Clã. 

Mais uma vez, a tensão emerge no Mundo das Sombras e ela promete não ser a única coisa a ascender. Um novo e ainda mais perigoso inimigo parece se mover nas sombras e executar seus planos de destruição e morte. Clary, seus amigos e família mais uma vez terão que enfrentar o caos e tentar não se perder no meio dele, tudo isso enquanto travam também batalhas internas. Mas será que eles são fortes o suficiente? 


Depois de reler os três primeiros volumes da série Os Instrumentos Mortais, estava muito ansiosa e curiosa por esse quarto livro. Cidade dos Anjos Caídos tem surpresas, ação e romance na medida certa. Continua me irritando as descrições longas da autora, mas ainda continuo amando seus personagens e o modo como ela constrói sua trama. Nesse livro, é perceptível certo amadurecimento da Clare como autora, mas ela ainda não está com a mesma qualidade apresentada na série Peças Infernais, minha favorita dela. 

Eu gostei de como a autora trouxe o caos de volta a Clary e seus amigos, trazendo elementos e inimigos novos aos mesmo tempo em que dando continuidade a conflitos inacabados. Adorei como, em Cidade dos Anjos Caídos, o Simon tenha ganhado muito mais destaque e que todos os personagens, sem exceção, tenham demonstrado fragilidades e batalhas internas. Enquanto o Simon precisa começar a aceitar sua nova vida e entender que ele não pode viver ao mesmo tempo no mundo mundano e no Mundo das Sombras, Clary também batalha para ter um lugar entre definitivo entre os Caçadores de Sombras, ao mesmo tempo em que percebe que ela precisa entender seu poder e não fugir dele.


Enquanto os conflitos pessoais de outros personagens são convincentes e interessantes, os de Jace soaram forçados e não entendi porque a autora insistiu em continuar “torturando” o personagem. Sério, achei um saco todo o drama de Jace, principalmente seu comportamento para com a Clary, utilizando-se dos famosos clichês “não posso ficar com você porque te amo” e “preciso protegê-la de mim”. Também me irritou a resposta da Clary, com seu draminha de “será que ele me ama?”. Acho que o casal já passou por tudo o que tinha que passar e não me convenci pelos pretextos que a autora criou para desequilibrar o relacionamento dos dois. Também me desagradou que o Magnus e o Alec só apareçam mais para o final do livro, apesar de que continuo amando o casal.


Eu amo a saga Instrumentos Mortais, mas não aguento mais todo o ar adolescente fútil da série. Felizmente, nesse volume, Clare dá menos espaço para esse mimimi infantil, o que espero que se repita nos próximos livros. Cidade dos Anjos Caídos foi uma ótima leitura, com muita ação e surpresa, e me deixou ansiosa pela continuação. A Clare, apesar de tudo, sempre me encanta cada vez mais com o universo rico que ela criou e com os personagens impossíveis de não se apegar!

Título: Cidade dos Anjos Caídos
Título original: City of Fallen Angels
Série: Os Instrumentos Mortais
Volume: 4
Autora: Cassandra Clare
Editora: Galera Record
ISBN: 9788501092717
Ano: 2013
Páginas: 364

Leia também:

Comente com o Facebook:

0 comentários:

Postar um comentário

Sinta-se a vontade para expressar a sua opinião, para divulgar o seu site/blog ou para elogiar ou criticar o blog! Lembrando que comentários com conteúdos agressivos, ofensivos ou inadequados serão excluídos.

(Você também pode entrar em contato comigo por e-mail, formulário ou pelas redes sociais. Saiba mais na página "Contato".)