22.8.12

Resenha: Ergue-se A Noite - Colleen Gleason

Título: Ergue-se A Noite
Série: Crônicas Vampíricas de Gardella
Volume: 2
Autora: Colleen Gleason
Editora: Jardim dos Livros
Ano: 2011
Páginas: 376
Classificação: 4,5/5 (favorito) 
Sinopse: A venadora Vitória Gardella arrisca seus poderes ao desvendar os mistérios da poderosa organização Tutela. Seus membros servem aos vampiros, oferecendo a eles seres humanos, para que saciem sua necessidade de sangue. Deixando Londres, ela viaja pela Itália, disposta a tudo para desbaratar os inimigos, destemida a ponto de colocar em tremendo risco a vida de sua tia-avó e mentora, Eustácia. Sem contar com a preciosa ajuda de seu experiente companheiro de outras aventuras, Max, que depois de ter voltado àquele país tem estranhas atitudes. Tudo leva a crer que ele mudou de lado!

Leia também: 


Depois de muito tempo desejando "Ergue-se a Noite", finalmente comprei a continuação de uns dos meus livros favoritos. "O Legado da Caça-Vampiro" foi inovador, envolvente e deixou um gostinho de “quero mais”, e eu não esperava menos de "Ergue-se a Noite" e para minha felicidade, não me decepcionei. 

Sobre a história em si, não há muito o que falar, já que não quero fazer spoilers. Como a sinopse mesmo já diz, Vitória mais uma vez tem de sair à luta, só que agora o inimigo é o poderoso vampiro Nedas, filho de Lilith, e uma misteriosa organização que se dedica a servir os vampiros, a Tutela. Para ajudar em sua missão, Vitória tem sua tia ao seu lado, além dos Venadores de todo o mundo, que não deixarão o mal vencer sem lutar. Entretanto, para desespero da garota, Max parece estar realmente do lado dos vampiros e ela não sabe se pode ou não confiar em Sebastian, já que ele nunca é totalmente claro sobre suas reais intenções com Vitória. 
“Naquele momento, seu último vestígio de mais profunda esperança se esvaiu como um vampiro atingido pela estaca. Não haveria ajuda de Max. De ninguém. Ela estava realmente sozinha.”  (Pág. 278) 
Em "Ergue-se a Noite", Vitória tenta se desdobrar para salvar o mundo enquanto lida com a saudade de seu falecido marido e com a incontrolável atração que sente por Sebastian, além de se preocupar e questionar a lealdade de Max. A garota encara sua missão com responsabilidade e diferentemente do primeiro volume, nesse livro ela está disposta a abrir mão de qualquer coisa para salvar o mundo e o mais importante, salvar quem ama. 
“A Gardella. A conexão mais direta com o Venador original. A líder, aquela que decide, uma referência para todos os Venadores, independentemente de onde eles se colocavam na árvore genealógica mundial da família. A pessoa em torno da qual se reuniam, em ocasiões de grandes ameaças.”  (Pág. 267) 
Como em "O Legado da Caça-Vampiro", Colleen mantém a tensão viva do início ao fim, apesar de que nesse livro os conflitos demoram mais para se resolver. Em "Ergue-se a Noite", a autora apresentou um número maior de personagens secundários, e apesar de ter me confundindo com tantos nomes e descrições, todos eles foram bem criados e aproveitados. Os personagens principais se mostram os mesmos, exceto por Vitória, que se mostrou mais madura e experiente. Sebastian está mais uma vez sedutor e misterioso, conquistando ainda mais a minha pessoa. Max me irritou em alguns momentos. Assim como Vitória, não me conformava dele ter ido para “o lado negro da força”! O final do livro é perfeito, assim como a solução de todos os conflitos da história. Mas, como fez em "O Legado da Caça-Vampiro", a autora deixa aquele gostinho de “quero mais” e nos faz desejar ansiosamente pelo próximo volume. 

A escrita de Colleen foi mais uma vez leve e envolvente, conquistando o leitor logo no início. A autora seguiu o mesmo estilo do livro anterior, sempre com descrições bem feitas, mas não muito grandes (não suporto aquelas descrições enormes que ocupam metade das folhas do livro). Como disse anteriormente, Colleen explorou os personagens na medida certa, assim como os cenários. 

A narrativa e personagens envolventes e a trama misteriosa só perderam um pouco do encanto por causa da tradução, que deixou muito a desejar. A editora cometeu vários erros, tantos de escrita quanto de ortografia. Algumas frases e trechos ficaram extremamente confusos, o que me impediu de dar uma nota 5 para esse livro. 

Outra coisa que me desagradou um pouco foi a capa do livro. Gosto da capa "Ergue-se a Noite", apesar de achar desconfortável esse modelo com essa expressão emo/zangada/misteriosa. Outra coisa que me incomodou foi o tom de azul que eles usaram na capa do livro. Ao vivo, ele é bem mais escuro, principalmente na lombada. Outro detalhe, se você observar bem a capa, verá imagens de arranha-céus iluminados no fundo, o que não faz sentido nenhum, já que a história se passa no século XIX. 


"Ergue-se a Noite" é uma bela continuação, tendo como pontos negativos apenas erros de edição. Estou ansiosa pelo próximo volume dessa série incrível, mas espero que a editora faça um melhor trabalho daqui para frente. Recomendo não só o livro, mas toda a série, para os amantes de histórias de vampiros, mas que também curtem uma heroína humana inteligente (na maioria do tempo) e bastante corajosa. 
“A cruz de prata tremeu no buraco de seu umbigo, quando ela estava caminhando, e Vitória se sentiu completa outra vez. Estava pronta, sim.” (Pág. 18)

Comente com o Facebook:

14 comentários:

  1. Não conhecia essa série, fiquei curiosa, adorei a resenha!


    beijos
    Luana - Lendo ao Luar

    ResponderExcluir
  2. Hum, parece interessante...não aparenta seguir a linha de crepusculo e afins...o triste é ser uma série...=/

    ResponderExcluir
  3. Confesso que vampiros não me agradam!Logo Ergue-se a Noite nao fez muito o meu tipo,ainda mais quando tem muitos personagens principais.

    Bjs

    ResponderExcluir
  4. Apesar de ter me decepcionado com o primeiro livro, fiquei curiosa para ler a continuação, para saber como a autora iria conseguir transformar a história em um livro com ação de verdade, por que eu achei o primeiro livro ruim em vários aspectos, mais gostei do plot da série, queria mais ação e menos romance, espero que a série melhore nos próximos volumes. To curiosa para saber se o Max foi pra o lado negro da força mesmo, ou se foi só uma fase.

    Bjs

    ResponderExcluir
  5. olha, não tenho muito interesse neste livro não, e acho este cara da capa muito estranho Oo
    hahaha

    ResponderExcluir
  6. Bela resenha!

    É interessante como os romances contemporâneos estão se alastrando para o lado fantástico da literatura, principalmente, no que diz respeito a vampiros...

    http://poetizaoamor.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Oi linda, eu ainda vou ler esse livro, amei a resenha, e estava doida para ler, depois de ter lido sobre a autora aqui no blog né...

    Aqui sabe se a mallu respondeu ao livro que ela foi sorteada la no blog, A invasora^?

    beijos
    tem promoção legal no blog
    http://dailyofbooks.blogspot.com.br/2012/08/promocao-engorde-sua-estante-ola-meus.html#links

    ResponderExcluir
  8. É, li um pouquinho mesmo heheh Ah que bom! Você já leu esses dois? Pretendo ler em breve!!

    ResponderExcluir
  9. Hmmm, que resenha mais interessante. Mas, não tenho muita vontade de ler o livro, é uma daquelas leituras que se pode esperar, assim penso. Parabéns pela resenha!

    ResponderExcluir
  10. Adoro histórias de vampiros, mas no momento estou um pouco saturada. Quem sabe mais pra frente.

    Um beijo,
    Luara - Estante Vertical

    ResponderExcluir
  11. Bem eu acho que já falei aqui no blog em outro post que estou com muita vontade de ler esse livro, achei interessante a historia e a capa não é tão ruim hehe

    bjos

    ResponderExcluir
  12. Oi!
    Eu adorei o primeiro livro! Quero muito ler esse também.
    Eu nem tinha reparado na cara do modelo, mas depois que você falou fui ver, é realmente estranha O_o

    Beijos,
    Sora - Meu Jardim de Livros

    ResponderExcluir
  13. O livro parece ser bem legal e a capa é bem bonita !!!

    nocantodaestante.blogspot.com

    ResponderExcluir
  14. ai esse livro parece ser muito legal , interessante demais!
    vale a pena !

    ResponderExcluir

Sinta-se a vontade para expressar a sua opinião, para divulgar o seu site/blog ou para elogiar ou criticar o blog! Lembrando que comentários com conteúdos agressivos, ofensivos ou inadequados serão excluídos.

(Você também pode entrar em contato comigo por e-mail, formulário ou pelas redes sociais. Saiba mais na página "Contato".)