24.8.12

Falando por Experiência #1: Enviando livros pelo Correios




Oi amores, como estão nessa bela sexta-feira?

        O primeiro post da nova coluna "Falando por Experiência" está no ar e espero sinceramente que gostem! O tema de hoje, como vocês podem ver no título, é "Enviando livros pelo Correios". 

        Bom, como blogueira, fiquei super feliz quando comecei a ter condições de fazer sorteios no blog. Não tem nada melhor do que ver vocês participando das promoções que nós blogueiros preparamos como muito carinho! Tudo era flores e arco-íris até chegar a hora de enviar o prêmio para o ganhador. Como não sabia absolutamente nada sobre enviar algo pelos Correios, pedi ajuda para minha mãe e ela enviou o pacote. 
        Tempos depois, mais uma vez precisei ir aos Correios. Como minha mãe tava mega ocupada, tive que ir sozinha. Ela me deu todas as instruções (como as boas mães sempre fazem) e lá fui eu para a agência. Depois de esperar por uma eternidade, em meio aos barulhos consequentes das reformas que eles estavam fazendo no lugar, minha senha foi finalmente chamada. Fui até o balcão e pedi para enviar o livro por "Carta Simples.". Como o livro era levinho, não ficou muito caro. Beleza.
        Mais tempo passou e o blog estava com cada vez mais promoções. Continuei indo aos Correios normalmente, observando que cada vez estava pagando mais caro. A gota d'água aconteceu pouco tempo depois. Fui enviar um livro de um book-tour e simplesmente paguei 40 reais pelo envio! 40 REAIS! Por um livro! Tudo bem que o livro era enorme, mais 40 reais é demais, não?
        Revoltada, pesquisei na internet meios de enviar livros de forma mais barata, pois já tinha ouvido falar do tal "Impresso". Bem, para quem não conhece o Impresso, ele é uma modalidade dos Correios feita especialmente para o envio de livros, catálogos, jornais revistas, etc. Como o envio de livros por Impresso não depende da distância que o pacote vai percorrer e sim do peso, os preços são muito mais baratos. Para saber mais sobre preços ou como enviar, esse post do blog Caçadora de Livros foi muito útil para mim, assim como o próprio site dos Correios
        Voltando para minha historinha, li todas as informações que achei sobre como enviar livros por Impresso, preparei meu pacote direitinho e fui para a agência dos Correios que costumo ir. Chegando lá, depois de esperar uma eternidade (isso é comum, Correios é sinônimo de longas esperas) finalmente fui atendida. Falei com a atendente que queria enviar o pacote com Impresso e após me lançar um olhar estranho, a moça colocou o pacote na balança. 
        A mulher olhou para os números do visor e depois para mim. Em seguida, me disse que eu não poderia enviar o livro como Impresso, já que o peso era superior a 500 gramas. Eu tentei argumentar, mas ela não me escutou. Como tinha pressa, acabei enviando o livro por PAC mesmo, após pagar uma fortuna. Fui para casa mais revoltada ainda, pois sabia que Impresso podia sim passar de 500 gramas.
        Como tinha um envio na semana seguinte, desde daquele dia já fui me preparando, da próxima vez iria mandar por Impresso e pronto. Pesquisei novamente, principalmente no site e no blog dos Correios e constatei que realmente Impresso pode sim ter mais de 500 gramas. Chegado o dia do envio, novamente preparei o pacote direitinho e fui para os Correios.
        Já no caminho, eu bolei todos os meus argumentos, pois sabia que eles iriam retrucar. Dito e feito! Na hora de enviar, o livro passava de 500 gramas. Meu primeiro argumento foi que eu tinha recebido aquele livro por impresso (era um livro de outro book-tour) e logo, eu poderia enviar por impresso. Para comprovar, levei o envelope que veio com o livro.
        A atendente tentou argumentar, mas eu estava decidida. A mulher falou um monte, inventou cada coisa e chegou até falar que livro não era impresso! Mas eu não cedi, continuei a argumentar. Depois de mais alguns minutos de uma conversa, ela foi consultar uma outra pessoa. Depois de dar muita volta e conversar com seus colegas e superiores, ela voltou com a noticia de que o livro podia sim ser enviado como impresso! Vitória! Enviei meu livro como impresso e saí super contente da agência. 
        Agora, só envio meus livros por impresso e não entendo como passei tanto tempo enviando de outra maneira! Toda vez que vou aos Correios já vou preparada para argumentar, pois não vou enviar livro por uma fortuna nunca mais! 
        Para quem quer enviar os livros de forma mais barata, eis algumas dicas que vi e que aprendi graças a minha experiência com os Correios: 
  • Sempre corra atrás dos seus direitos! Nada de sair no prejuízo por causa de atendentes mal informados! Direito é direito! 
  • Pesquise e se informe! Antes de brigar com meio mundo por nada e passar vergonha por isso, pesquise bastante para saber se você realmente está certo e quais são seus direitos! 
  • Brigue, mas não desça do salto! Quer correr atrás dos seus direitos, ótimo, mas mantenha a compostura! Nada de ofender ninguém, ameaçar ou fazer um barraco, isso não vai ajudar em nada! Se depois de muito argumentar e não conseguir o que quer, vá embora e esfrie a cabeça para não cometer besteiras! 
  • Não desista! Dando continuidade a dica anterior, se não conseguiu enviar o livro, tente novamente outro dia ou procure outra agência, mas não desista! 
        Bom, é isso pessoas. Espero que meu relato sirva para alguma coisa e que tenham gostado da coluna! Se você também tem uma experiência similar, não deixe de comentar! Beijos!

Comente com o Facebook:

22 comentários:

  1. Correio realmente é um absurdo de caro!E as vezes nem é tao rápido!
    Bjs

    ResponderExcluir
  2. Olá,
    Muito bom o seu post.
    Isso tmbm aconteceu comigo. TEm dois correios onde posto as minhas coisas, um onde tenho a caixa postal e outro que é mais perto para mim. Eu tmbm ñ sabia sobre o envio Impresso ou Módico como eles chamam... sempre o livro passava de 500g eu tinha que enviar por pac... já estava ficando falida com o correio.
    Bom fui no outro correio e o atendente me explicou direitinho como funciona e que a correspondência impressa pode ser até 2kg, disse ainda que não é pq os atendentes não sabem é pq eles querem te vender (empurrar) o produto mais caro. Fiquei muito revoltada, agora vou sempre no correio mais longe... acho que é uma forma de eu protestar contra o outro.
    Beijos!
    Katielle
    www.leituramaravilhosa.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  3. geeeente, eu estava participando de um booktour esses tempos atras e fui mandar por impresso e a mulher não aceitou pq tinha 503g, e só podia 500g
    me revoltei total, e acabei pagando quase 30 reais para mandar 1 livro ;@
    vou pesquisar mais a fundo agora sobre este tal de impresso, e quando eu precisar enviar novamente tbm vou bater o pé!!!
    obrigada pela dica, e adorei a coluna *-*

    ResponderExcluir
  4. Oi Ana! Que perrengue hein? Realmente funcionário mal informado é terrivel, faz a gente passar por uma situação constrangedora. Ainda bem que nos correios nunca aconteceu comigo, pelo contrário eu ia enviar numa modalidade mais cara e a própria funcionária me informou sobre o envio como impresso. E o melhor, o livro chegou no prazo e sem danos. Pois parece que eles tem mais cuidado com o tipo de produto.

    Beijos
    AMANDA
    leiturahot.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Olá.

    Tem meme pra você lá no blog.
    http://vivianrezende.blogspot.com.br/2012/08/meme-fila-de-livros-nao-livros.html

    Beijos.

    Vívian Rezende

    ResponderExcluir
  6. Bom dia :)
    Eu já enviei um livro por 20 e poucos reais :O
    Ai quando eu conheci o Impresso tudo mudou kkkk
    Mas uma vez,nos correios falaram que desconheciam isso...voltei pra casa e imprimi a página explicando sobre o Impresso e voltei lá hahaha

    Beijos e cuide-se

    RIMAS DO PRETO

    ResponderExcluir
  7. Caramba!!!! Estou morrendo de rir, aqui...
    E já pensando: Estou fazendo a primeira promoção do meu blog e iria mandar os livros de forma convencional. Foi muito bom saber disso! E muito bom rir também!!

    Adorei a coluna!!!
    Sinto que muitas "experiências" irão nos divertir neste blog. Parabéns! E valeu a informação!!!

    beijosssss poéticos.....

    http://poetizaoamor.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Assim que vivemos, de experiências. Vivendo e
    aprendendo.
    Beijos

    ResponderExcluir
  9. Adorei o post flor, é mega importante e muito útil mesmo. Olha ja tive diversos problemas com os correios e com a falta de informação de seus funcionários, é incrível. Então acho muito importante mesmo que seja divulgado esse tipo de informação. Beijoos.

    Jaque - Meus livros, meu mundo.

    ResponderExcluir
  10. Olá
    Gostei bastante do post. Funcionário mal informado é o cúmulo e eu acho que nem deveria está onde está.

    ResponderExcluir
  11. Obrigado pela a Dica, pois, tenho ultimamente enviado muitos livros pelos correios de trocas realizada no skoob e estava pagando muito caro.. =/

    ResponderExcluir
  12. Oi querida! Muito boa a sua dica, eu desconhecia esse tipo de envio há algum tempo atrás e quando descobri... foi maravilhoso! Hoje, só envio livros por impresso e pronto!


    Olá!
    Vim aqui para convidá-lo(a) a conhecer o meu livro que lançará agora em Setembro 2012. Peço mil desculpas pelo “spam”, mas é muito difícil divulgar livros, sobretudo aqui no Brasil. Nós, autores nacionais, ainda somos muito desvalorizados, mas continuamos na luta para que esse fato seja revertido!
    Sendo assim, gostaria que conhecesse a minha obra chamada “Meu Conselheiro de Luz”. Trata-se de um romance voltado para a literatura juvenil.
    Seria de grande ajuda que você adicionasse a obra em seu skoob:
    http://www.skoob.com.br/livro/257467
    E no facebook:
    https://www.facebook.com/MeuConselheiroDeLuz
    Desde já agradeço a sua atenção e tenha um ótimo dia!

    ResponderExcluir
  13. Dica muito importante!!!
    Hoje mandei meu primeiro livro por uma troca no Skoob. Já sabia sobre o envio módico e a atendente foi super gentil e inclusive me ajudou a embalar. Acho que quanto mais se falar sobre isso, mais preparadas a agências estarão.

    ResponderExcluir
  14. Sou um pouco familiarizada com o correio pq me comunico com uma amiga através de carta (sim, fazemos questão de manter essa comunicação *-*). Mas para enviar outras coisas sem ser carta é realmente mtu caro =|

    http://autoracarolinaribeiro.blogspot.com

    ResponderExcluir
  15. Nunca tive problema com os Correios. Soube sobre o Impresso logo que comecei a trocar livros pelo Skoob (ainda bem!) e o senhor simpático que me atende na agência felizmente sabe o que é. Ótima ideia para post, isso é utilidade pública!

    ResponderExcluir
  16. Oi!
    Toda vez que tenho que ir no correio, já vou com um pé atrás, esperando a crise das atendentes.
    Adorei seu post informativo, e serve como alerta para todos.
    Deixo outra dica aqui, que é o valor declarado, dá para enviar desta forma e ainda colocar um tipo de seguro, você declara o valor do pacote e paga 1% a mais e se desviar o correio reembolsa.
    Eu já usei e vale a pena.


    Bjos!!
    Cida
    Moonlight Books

    ResponderExcluir
  17. Olá que informação mais interessante, nunca tinha ouvido falar desse tipo de entrega, agora quando for enviar algum livro eu já sei, amei o post

    bjos e boa semana

    ResponderExcluir
  18. Caramba! Ainda bem que nunca mandei livro rs
    Adorei saber das dicas de Impresso.
    Mesmo assim, ainda tenho receio. Sou toda bobinha pra essas coisas. Mas acho que o livro que eu vou mandar vai sair baratinho rs


    Beijos!
    Blog|Fã Page|Twitter|Sorteios

    ResponderExcluir
  19. Nunca havia enviado livros pelos Correios, mas ao me inscrever no Skoob para trocar livros, aprendi tudo. É um absurdo que uma funcionária não tenha essa informação! Quantas pessoas não são prejudicadas?
    Pra ter uma ideia, ao enviar as minhas trocas eu gasto entre 2 e 5 reais por livro, depende do peso. E já vem com um seguro q cobre até 50 reais, viu? É importante a gente divulgar.
    E seus leitores aqui podem entrar no Skoob e me add, será um prazer trocarmos ideias e livros.
    O POST MERECE APLAUSOS pela utilidade!

    ResponderExcluir
  20. È sempre bom ficar informada inclusive para quem é blogueira e precisa mandar livros de promoçoes e book tour !!!

    nocantodaestante.blogspot.com

    ResponderExcluir
  21. Eu também já tive muitos problemas nos Correios, ahh fico com raiva quando a pessoa diz que não dá para enviar o livro de tal modo.
    O que não falta são pessoas desinformadas e pior mal humoradas, hj esta mais tranquilo.

    Beijos

    ResponderExcluir
  22. AAAI QUERIDA... HÁ UM TEMPO ATRÁS EU VI ESTE POST NO SEU BLOG E TINHA UM LIVRO PARA ENVIAR. JÁ HAVIA FICADO ESPERTO COM O PESSOAL DO CORREIO... ENTÃO, FUI JÁ DECIDIDO E ENTENDIDO DO ASSUNTO.
    CHEGOU LÁ, FIQUEI POUCO MAIS DE 50 MINUTOS NUMA FILA (LÁ TINHA 4 CAIXAS E SÓ UM TINHA ATENDENTE.) E CHEGOU MINHA TÃO ESPERADA VEZ.
    PEDI PARA ENVIAR POR IMPRESSO TAMBÉM, ELE DISSE: ''A encomenda passou de 500 gramas'' aahahahahahaha Provei para ele o meu direito e ele ficou caladinho.
    Tô com odio dele! rsrssrsrsrsrrsrs'
    #Desventuras de um blogueiro
    Beijos

    ResponderExcluir

Sinta-se a vontade para expressar a sua opinião, para divulgar o seu site/blog ou para elogiar ou criticar o blog! Lembrando que comentários com conteúdos agressivos, ofensivos ou inadequados serão excluídos.

(Você também pode entrar em contato comigo por e-mail, formulário ou pelas redes sociais. Saiba mais na página "Contato".)